fbpx

Você sabe o que é produto orgânico?

Se alguém lhe perguntar o que é um produto orgânico, você sabe como responder? Normalmente as pessoas associam produto orgânico a produtos que foram cultivados sem agrotóxicos, de um jeito natural, descomplicado e sem muito aparato técnico. Mas essa é uma definição equivocada e reducionista do que é produto orgânico.

Produto orgânico é, sim, aquele que é cultivado sem agrotóxicos, mas não é só isso. É muito mais. Produto orgânico é, na verdade, aquele obtido “dentro de um sistema orgânico de produção agropecuária – ou extrativista sustentável –que beneficie o ecossistema local, proteja os recursos naturais, respeite as características socioeconômicas e culturais da comunidade local, preserve os direitos dos trabalhadores envolvidos e não utilize organismos geneticamente modificados nem químicos sintéticos”, conforme muito bem definido no e-book do site da Organis (Conselho Brasileiro da Produção Orgânica e Sustentável), entidade sem fins lucrativos que trabalha para divulgar os conceitos e as práticas orgânicas.

Essa definição tem por base o texto da lei 10831 de dezembro de 2003, que especifica o que é um produto orgânico. Portanto, para ser considerado um produto orgânico, o produto tem que ser produzido em conformidade com essa lei.

legumes  frutas e verduras orgânicos

A questão é tão séria, que o Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento emite um selo atestando que isso foi cumprido. Portanto, só é produto orgânico aquele que tem o selo do MAPA.

No Brasil, o produto orgânico vem ganhando cada vez mais espaço e não estamos falando apenas de produto orgânico no ramo alimentício, que incluem além das frutas, verduras e alimentos prontos, também cafés, vinhos, vodcas e cachaças. Existe produto orgânico para cabelo, para a pele, para a higiene pessoal, para pets… há até produto orgânico para a limpeza de ambientes, como limpa banheiros, multiuso e tira manchas. Mas como saber se o que você está consumindo é realmente um produto orgânico?

Isso é possível por meio de um sistema de certificação, que gera um selo (citado acima) que deve constar das embalagens de todo produto comercializado como orgânico no Brasil. As empresas que fornecem produto orgânico, inclusive restaurantes, precisam também ter à mão documentos que atestem que o que está comercializando trata-se, realmente, de um produto orgânico. Um desses documentos é a certificação por auditoria, sobre a qual veremos mais logo abaixo.

auditoria de produtos orgânicos

Certificação por auditoria é método mais aceito no mercado

A certificação é o documento que garante que a produção está de acordo com as normas e práticas da agricultura orgânica e elimina eventuais dúvidas que possam existir sobre a qualidade e segurança dos produtos.

No Brasil, existem três maneiras de garantir a procedência do produto orgânico: Certificação por Auditoria realizada por uma empresa certificadora; o Sistema Participativo de Garantia (é formado um grupo composto pelos próprios agricultores, técnicos e consumidores que visitam as propriedades e avaliam o cultivo do produto orgânico) e a Venda Direta (a certificação é feita por uma associação ou cooperativa que fornece o documento de conformidade de produto orgânico. É usado por produtores familiares que realizam apenas a venda direta).

Certificação por Auditoria é o método mais aceito no mundo da certificação para produto orgânico, em especial porque a auditoria é feita por empresas especializadas . Essas empresas são fiscalizadas anualmente e devem estar regularizadas no Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia) e no MAPA. A certificadora é contratada para fazer inspeções de forma periódica nas propriedades que têm ou que pretendem ter a certificação por auditoria.

Os auditores acompanham cada passo da produção e elaboram relatórios que servem tanto para o credenciamento na certificação quanto para a gestão da propriedade. A análise de um especialista externo pode trazer muitos benefícios, em especial por ser uma visão normalmente mais crítica e imparcial do que quando a avaliação é feita pelos próprios agricultores e técnicos da propriedade.

auditoria produtos orgânicos em plantações

Além disso, para casos de exportação de produtos, a certificação por auditoria é o único meio de regularização aceito, já que as exigências são mais rigorosas e o Sistema Participativo não atende aos requisitos necessários.

O IBD (Associação de Certificação Instituto Biodinâmico) é a maior certificadora da América Latina de produtos orgânicos e a única certificadora brasileira de produtos orgânicos com credenciamento IFOAM (Federação Internacional dos Movimentos de Agricultura Orgânica), selo internacional mais importante e aceito globalmente.

Vale lembrar que os produtos AGRO e Horta & Jardim da Homeopatia Brasil têm o certificado do IBD, sendo permitido seu uso na agricultura orgânica.

Definição do que é produto orgânico inclui cuidados com o cultivo, armazenamento, venda e até embalagem

Como vimos, a definição do que é produto orgânico engloba critérios desde o cultivo, passando pela comercialização até a embalagem final. É todo um sistema de produção que deve ser cumprido para se poder caracterizar um produto orgânico como tal.

Para obter a certificação por auditoria, o produto orgânico deve ser oriundo de um sistema que respeite a integridade cultural das comunidades rurais, observando a sustentabilidade econômica e ecológica, reduzindo o uso de energia não-renovável, valorizando os métodos biológicos e mecânicos e eliminando o uso de organismos geneticamente modificados.

O produto orgânico, além de não utilizar agrotóxicos e fertilizantes sintéticos em sua produção, também não usa radiação ionizadora ou aditivos, seja na questão nutricional da planta ou no tratamento contra doenças e pragas. Ele também é isento de qualquer resíduo de agroquímicos prejudiciais à saúde humana e animal. Por esses motivos, o produto orgânico é considerado mais seguro para o consumidor e não contamina o meio ambiente.

Quer saber mais sobre agricultura orgânica e sua definição? Leia aqui.

mulher que usa cosméticos orgânicos

Para além dos alimentos: existe produto orgânico para cabelo, para pele, para higiene pessoal e até itens de moda

Ano após ano é possível registrar o crescimento da produção orgânica no Brasil. E esse crescimento não se restringe apenas aos setores alimentício e de bebidas. Ele se verifica em diversas áreas e hoje é possível encontrar produto orgânico para cabelo, para a pele, para higiene pessoal, limpeza de ambientes e até itens de moda.

Quando o assunto é produto orgânico e cosmética, os itens para cabelo estão na lista dos mais buscados na internet. Vale saber que para o produto orgânico para cabelo ser considerado como tal, ele deve cumprir os mesmos critérios exigidos na elaboração de todo e qualquer produto orgânico. Esses cosméticos devem ser elaborados com ingredientes naturais, cujo cultivo deve ser isento de agrotóxico, e eles não têm sal, silicone e conservantes fortes como Lauril Éter Sulfato de Sódio entre seus compostos.

Por sua formulação mais suave, esses cosméticos para cabelo são procurados por pessoas que querem produtos que não irritem o couro cabeludo ou que ressequem os fios. Além disso, são produtos que não agridem o meio ambiente e não são testados em animais.

Se você ficou interessado em saber sobre quais outros tipos de produto orgânico existem, numa rápida consulta no site do Organis é possível encontrar uma relação de dezenas de empresas das mais variadas áreas de atuação e que estão, como o próprio site explica, “comprometidas em fornecer produto orgânico que respeita a vida humana, preserva o meio ambiente e valoriza a responsabilidade social”.

Entre as empresas associadas ao Organis, podemos destacar a Homeopatia Brasil, que desenvolve trabalho comprometido com o desenvolvimento sustentável e com a preservação e a recuperação do meio ambiente. A empresa oferece vários produtos nas áreas farmacêutica e veterinária, como, por exemplo, o creme dental e o enxaguante bucal com ingredientes orgânico, além dos já citados produtos AGRO e Horta & Jardim.

Na relação de empresas, também é possível encontrar a Coronel Café, empresa certificada pelo IBD na produção de café orgânico; a empresa de de moda, Amarjon Biojoias e a de limpeza, Biowash.

casal consumindo produtos orgânicos

Cresce o consumo de produto orgânico no Brasil

O mercado de produto orgânico tem grande espaço para crescimento no Brasil. É o que apontam duas pesquisas do Organis, realizadas para conhecer o perfil do consumidor brasileiro de orgânicos. O resultado da primeira pesquisa, realizada há dois anos, mostrou que 15% dos entrevistados já tinham consumido produto orgânico. “O significado desses números nos dá a indicação de que estamos ainda no início de um processo de consolidação e o crescimento se fortalecerá nos próximos anos”, afirmou Ming Liu, diretor executivo da Organis, em artigo de sua autoria.

Para ele, o resultado demonstrou que falta um projeto de educação ou campanha nacional para esclarecer o consumidor a respeito do produto orgânico, melhorar a distribuição e oferta desse produto orgânico.

“Vivemos tempos de transformação e sabemos que os consumidores seguem a tendência de melhorar seus hábitos e buscam produtos menos industrializados, mais saudáveis, com menos aditivos e conservantes e com rastreabilidade. É possível prever um crescimento maior e a mudança dos hábitos”, disse ele.

legumes e frutas orgânicas

A pesquisa do ano passado da Organis descobriu que 19% dos entrevistados já tinham consumido algum produto orgânico. O diretor da Organis, Cobi Cruz, disse que esperava um crescimento maior, mas que, ainda assim, o dado é positivo. “O que nos anima é perceber que uma parcela significativa dos brasileiros já reconhece claramente o valor agregado aos produtos orgânicos. A partir dessa pesquisa, podemos dizer com segurança que, na medida em que a renda do brasileiro aumentar, o tamanho do mercado de orgânicos também vai crescer, pois há motivação e disposição para o consumo”, disse em entrevista sobre o tema.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram

Fale com a Homeopatia Brasil

O que você achou do artigo? Deixe aqui seu comentário que retornaremos o mais rápido possível.

Quer saber mais sobre o produto Lorem Ipsum?

Nos envie uma mensagem que tiraremos suas dúvidas!

×