Onde comprar medicamento homeopático, o que é e como funciona uma farmácia de homeopatia?

As farmácias, de uma forma geral, são unidades de prestação de serviços destinadas a oferecer assistência farmacêutica, assistência à saúde e orientação sanitária. Mas o que é uma farmácia de homeopatia? A farmácia de homeopatia é um estabelecimento de saúde onde são produzidos e vendidos os medicamentos homeopáticos (vamos falar mais sobre eles abaixo). Pela essência da atividade, podemos dizer que a farmácia de homeopatia é, também, um ambiente de tecnologia.

Nesse artigo, vamos conhecer um pouco mais sobre farmácia de homeopatia, como funciona uma farmácia de homeopatia, o que significa farmácia de manipulação, onde comprar medicamentos homeopáticos, o que é CH da homeopatia, a relação entre florais e saúde.

Como funciona uma farmácia de homeopatia?

A farmácia de homeopatia é o estabelecimento que manipula e comercializa fórmulas magistrais e oficinais, segundo a sua perspectiva farmacotécnica.  

E como funciona o trabalho numa farmácia de homeopatia? A farmácia de homeopatia deve contar com farmacêutico habilitado e bem treinado para a elaboração de remédios de acordo com as regras farmacotécnicas e as Boas Práticas de Manipulação preconizadas para a homeopatia.

Numa farmácia de homeopatia, o cliente vai ter sua receita analisada pelo farmacêutico, que vai conferir a prescrição do médico, dentista ou, também, do veterinário especializado em homeopatia e vai acompanhar o processo de fabricação e manipulação do medicamento.

Na farmácia de homeopatia, a presença do profissional graduado em ciências farmacêuticas, com formação teórico-prática em homeopatia, é obrigatória durante todo o funcionamento da farmácia de homeopatia, de acordo com o Conselho Federal de Farmácia, órgão no qual o farmacêutico também deve ser registrado.

A farmácia de homeopatia também precisa ter estruturas física e técnica adequadas para o desempenho das atividades rotineiras e, do ponto de vista documental, tem que estar regularizada perante a Vigilância Sanitária para o exercício da atividade.

Como funciona uma farmácia de homeopatia

O que significa farmácia de manipulação?

Da mesma forma que a farmácia de homeopatia, a farmácia de manipulação é um estabelecimento de saúde onde fórmulas e medicamento são preparados de forma personalizada para cada cliente, de acordo com suas necessidades, sempre seguindo receitas prescritas por profissional da área da saúde. A diferença entre a farmácia de manipulação e a farmácia de homeopatia é que na de manipulação também podem ser produzidos medicamentos alopáticos.

O que significa que toda farmácia de homeopatia é, também, uma farmácia de manipulação, mas nem toda farmácia de manipulação é uma farmácia de homeopatia.

Na farmácia de manipulação, assim como na farmácia de homeopatia, todo o cuidado com o processo na produção de remédio é uma preocupação presente, para garantir a qualidade e a eficácia do produto.

As receitas são analisadas e conferidas por farmacêuticos e, só depois disso, são enviadas para a produção nos laboratórios, que podem estar, inclusive, instalados na própria farmácia de homeopatia ou farmácia de manipulação, ou podem funcionar em outros lugares. Seja como for, a produção desses medicamentos também deve observar as Boas Práticas de Manipulação preconizadas pela Anvisa.

Onde comprar medicamentos homeopáticos?

Agora que você já sabe o que é uma farmácia de homeopatia e, também, como funciona uma farmácia de homeopatia, chegou a hora descobrir onde comprar medicamentos homeopáticos.

Os medicamentos homeopáticos são fórmulas farmacêuticas elaboradas a partir de extratos vegetais, animais, minerais e sintéticos. Esses remédios são preparados por meio de diluições e agitações vigorosas e ritmadas, processo a que se dá o nome de dinamização. Essa é a base da formulação de um remédio homeopático.

Onde comprar medicamentos homeopáticos

No momento de comprar medicamentos homeopáticos, o importante é dar preferência a uma farmácia de homeopatia de excelência, que conte com a presença de um farmacêutico homeopata. Esse profissional deve conhecer não só a técnica de produção, mas, também, entenda das modalidades dos medicamentos e tenha um sólido conhecimento da filosofia homeopática. Afinal, a homeopatia trata o a pessoa de forma individualizada e a entende como um todo, não apenas sintomas ou a doença. E o farmacêutico precisa ter isso em mente, para que a farmácia de homeopatia possa dar uma assistência diferenciada e, de fato, assegurar a promoção e a recuperação da saúde do paciente. 

+LEIA MAIS: Remédio Homeopático – aliado no combate aos males do corpo sem agressão

Assim funciona a farmácia de homeopatia da Homeopatia Brasil, local onde se encontram produtos elaborados com matéria-prima certificada, rigoroso controle de qualidade e rígidos padrões de controle e produção. 

O que é CH da homeopatia?

É muito comum os medicamentos ou substâncias homeopáticas estarem acompanhadas das letras CH. Afinal de contas, o que é CH da homeopatia? Essa indicação está relacionada à forma de produção dos medicamentos homeopáticos, significa que diluídos através da escala centesimal (por isto C) e método hahnemanniano (H). Veja, abaixo, reprodução de trechos de um artigo de autoria de Amarilys de Toledo César, especializada em homeopatia, e que explica essa questão.

Durante seus estudos, Samuel Hahnemann, o pai da homeopatia, determinou uma técnica de preparo de medicamentos específica, propondo também sua forma de uso. A ideia era utilizar uma substância que provocasse sintomas semelhantes aos observados no indivíduo doente. Porém, se fosse usada uma grande quantidade desta substância, o resultado seria tornar o indivíduo, já doente, ainda mais doente, e com os mesmos sintomas. Portanto, Hahnemann pensou em usar a mesma substância (Lei da Semelhança), porém em quantidade pequena, bem pequena mesmo.
Desta forma, ele começou a diluir as substâncias que tencionava utilizar. Todos nós temos a noção de que, se usarmos uma quantidade muito pequena, a ação da substância deve diminuir, e talvez até desaparecer. Quando Hahnemann começou a diminuir a quantidade, percebeu isto também. Observador atento, notou também que, ao agitar a solução – talvez de forma intuitiva, talvez no início apenas para bem homogeneizá-la – ela, em vez de perder sua força, pelo contrário, tornava-se mais potente, mais ativa. Apesar de conter cada vez menor quantidade da substância inicial, a solução parecia adquirir força.

O que é CH da homeopatia

A este processo conjunto, de diluição e agitação, Hahnemann deu o nome de dinamização, lembrando dínamo – ou força. Quanto mais dinamizada, maior a potência do medicamento, por chamamos de potência o número de vezes que a substância é dinamizada.  Na dinamização, usamos uma solução hidroalcóolica para diluir (frequentemente álcool a 30%) e movimentos de – batida – contra um anteparo semirrígido para agitação. Chamamos este processo de agitação de sucussão. Se uma substância é solúvel em água ou álcool etílico, puros ou combinados, ela será dissolvida, na proporção de 1%, e agitada 100 vezes. Em seguida, nova diluição e 100 agitações.
As diluições podem ser feitas em diferentes proporções ou escalas. A mais comum é na proporção de 1:100, também chamada escala centesimal. Para fazê-la, usamos 1 parte da droga para 99 partes de solução água/álcool. É a mais comum entre nós e foi preconizada por Hahnemann. Este método é chamado de hahnemanniano. As agitações podem ser feitas manualmente (através de movimentos ritmados do antebraço, de batida contra o anteparo) ou através de um equipamento chamado de – braço mecânico -, quando uma máquina tenta reproduzir o movimento do braço. É uma técnica simples, porém, demorada e trabalhosa. Os medicamentos assim produzidos são chamados de CH, porque foram diluídos através da escala centesimal (por isto C) e método hahnemanniano (H). O número que eventualmente acompanha a indicação CH diz respeito a sua potência, ou seja, o número de vezes em que foi dinamizada (leia o artigo na íntegra
aqui).

Florais e saúde

Os Florais de Bach foram descobertos entre os anos 20 e 30 pelo médico inglês Edward Bach. Ele era um patologista que se sentia insatisfeito com o fato de a medicina focar nas doenças, ignorando o indivíduo em sua totalidade. Para ele, o bem-estar emocional era a chave para a boa saúde geral e entendia que a personalidade e as atitudes das pessoas afetam seu estado de saúde.

Farmácia de homeopatia Florais e saúde

Sendo assim, Bach passou a desenvolver um trabalho com uma visão mais holística, ou seja, focando na pessoa como um todo, não somente em sintomas. E assim ele desenvolveu uma forma de tratar a saúde emocional e espiritual através do uso das plantas.

+LEIA MAIS: Floral de Bach, o que é e como surgiu?

O médico obteve ótimos resultados com sua terapia de florais e foi ampliando seu trabalho na busca de remédios na natureza, até chegar aos 38 florais que compõem seu sistema de tratamento.

No seu entendimento, esses 38 florais cobriam todos os aspectos da natureza humana e todos os estados de espírito negativos como ansiedade, nervosismo, depressão, entre vários outros males, colaborando para o indivíduo ter boa saúde. Tanto é que a terapia de floral é reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde do Brasil como uma PIC (Prática Integrativa e Complementar).

Você pode encontrar Florais de Bach na farmácia de homeopatia da Homeopatia Brasil.

Florais de Bach e a farmácia de homeopatia

É muito comum ocorrer uma confusão entre o que são Florais de Bach e os medicamentos homeopáticos, até porque é muito comum encontrar os florais em farmácia de homeopatia. Mas, embora eles tenham semelhanças importantes, como o fato de trabalhar com medicamentos energéticos, e com substâncias que têm sua ação baseada na energia desprendida durante o processo de preparação, eles não são a mesma coisa.

Existem várias diferenças entre os dois, como, por exemplo, o fato de que a homeopatia trabalha com os três reinos: mineral, vegetal e animal (além de produtos sintéticos) já os florais são feitos a partir apenas de substâncias vegetais.  A Homeopatia pode agir no físico, no mental e no emocional. As essências florais atuam especificamente no emocional (leia mais aqui).

Florais de Bach e a farmácia de homeopatia
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram